Cape Town

A Cidade do Cabo (Cape Town), na África do Sul, anunciou, recentemente, que o percentual de efluentes tratados e reutilizados no município superou as expectativas estabelecidas.

O efluente sanitário da cidade é tratado pelo sistema de tratamento de águas residuais e posteriormente direcionado para vários consumidores por um sistema de tubulação segregado, para que seja consumido apenas em fins industriais e de irrigação.

Segundo o último balanço divulgado, mais de 6% de todo efluente que passa por sua rede de tratamento já está sendo reutilizado, superando a expectativa e meta inicial de reutilizar 4,75% do volume de água tratada.

O reúso do efluente se tornou um importante meio para economizar água e também um componente chave na estratégia para garantir o abastecimento seguro da região futuramente.

A Cidade do Cabo conta com mais de 160 empreendimentos consumidores de efluentes de reúso. Entre eles: escolas, clubes desportivos, campos de golfe, fazendas, indústrias e comércios em geral. O efluente também é utilizado na irrigação de parques e canteiros de flores do município.

Devido ao sucesso do projeto, os responsáveis já estão analisando a possibilidade de expandir o serviço para outras áreas do município e também do país.

Deixe seu comentário